• Apresentação

    O Ensino Superior brasileiro tem sido alvo de inúmeras discussões no âmbito da comunidade acadêmica e também de setores diversos da sociedade. No entanto a Educação Superior, enquanto “campo científico”, de produção e disseminação do conhecimento, não tem recebido a mesma atenção. Pelo papel que a educação superior exerce na tessitura social, no mundo do trabalho e das relações econômicas vislumbra-se no horizonte um espaço mais marcante para este campo de produção e de disseminação do conhecimento.

    Sob tal perspectiva está sendo construída a Rede Sulbrasileira de Investigadores em Educação Superior (Ries) que busca a cooperação e o compromisso social dos pesquisadores universitários na construção da Educação Superior e da Pedagogia Universitária como área de conhecimento e de prática profissional. A Ries é aberta a participação e envolve diversas IES não só do Brasil, mas também da América do Sul.

    Projetos basilares
    Pronex – CNPq/Fapergs
    Observatório – Capes/Inep

    Instituições participantes
    Publicações Eletrônicas – Edipucrs
  • Histórico

    Em 1998, um grupo de professoras-investigadoras de diferentes Instituições de Ensino Superior do RS, envolvidas com a temática da Educação Superior, iniciou as discussões e a sistematização de algumas ações, aceitando o desafio de construir uma caminhada coletiva. Conseqüentemente, em setembro de 1999, organizaram o I Simpósio de Educação Superior. A temática do simpósio, Ensino e pesquisa na formação do professor universitário e experiências na docência universitária, reuniu professores de educação superior, pesquisadores e alunos de programas de pós-graduação interessados na temática. Os anais foram colocados em rede, publicados e as conferências geraram o livro “Professor do ensino superior: identidade, docência e formação” publicado pelo Inep e, em segunda edição ampliada, pela editora Plano. No ano de 2000, encontros voltados às temáticas educacionais mais gerais começaram a fomentar a necessidade de uma Rede de professores-investigadores voltados à Educação Superior. Neste mesmo ano, realizou-se o I Congresso Ibero-Americano de Formação de Professores, promovido pelo Centro de Educação e PPGE da UFSM.

    Em junho de 2001, a caminho da consolidação da rede de professores-investigadores, realizou-se o 2º Simpósio Internacional de Educação Superior, na Unisinos (São Leopoldo), reunindo as mesmas instituições, e congregando, agora não só o RS, mas representações da Furb, UEL, Unesp, Unimep, UFGO e outras mais. Os principais temas discutidos foram: processos de ensino-aprendizagem; papel do professor; políticas universitárias e redes de conhecimento. Neste encontro, frente à necessidade da articulação sistemática dos investigadores, professores e discentes envolvidos com Educação Superior, um grupo de representantes de diferentes IES presentes ao simpósio, responsabilizou-se pela elaboração de uma proposta de articulação deste movimento, com potencial para configurar-se como uma Rede Sulbrasileira de Investigadores de Educação Superior (Ries).

    Uma comissão responsável pela articulação do referido movimento, redigiu-se a Carta da Unisinos (junho, 2001), cujos pontos principais indicavam algumas necessidades prioritárias no campo da Educação Superior no Brasil: desenvolvimento do Sistema de Educação Superior Brasileiro para a sociedade do país, objetivando a busca de qualidade; os problemas políticos e sociais e as diferenças marcadas pela exclusão que assolam a Educação Superior Brasileira; a vigilância crítica que deve ser exercida pela comunidade acadêmica sobre as políticas públicas de avaliação, de formação de professores, e de expansão do ensino superior; a busca de alternativas éticas, justas e adequadas para o ensino superior que corroborem para o desenvolvimento da ciência e da tecnologia necessárias para o desenvolvimento social e econômico do país; a caminhada de reflexões e encontros acadêmico-científicos que professores e pesquisadores da área de Educação Superior vêm realizando, tais como os Simpósios Internacionais, os grupos de pesquisa e a produção acadêmica existente; e, especialmente a necessidade de cooperação e compromisso social dos pesquisadores na construção da Educação Superior e da Pedagogia Universitária, como área de conhecimento e de prática profissional.

    Em 2002 ocorreu o 1º Simpósio de Educação e Desenvolvimento Profissional, tendo por promotores a Ries, a UFSM e Unifra, com a finalidade de congregar professores/pesquisadores das diferentes áreas de formação profissional, para construir uma reflexão coletiva sobre questões que envolvem: educação para a qualidade de vida e bem estar do professor; educação para a liberdade e criatividade no mundo da vida e do trabalho; educação para a transformação: rupturas, provocações e proposições para novos tempos. Os temas em discussão envolveram questões relativas: às Políticas Públicas para a Formação do Profissional da Educação Básica; ao Desenvolvimento e Realização Profissional; ás Comunidades Virtuais de Aprendizagem e Desenvolvimento Profissional; às Inovações Pedagógicas e Docência no Ensino Superior em Contextos Multiprofissionais.

    A Rede Sulbrasileira de Investigadores da Educação Superior (Ries), em parceria com a Faculdade da Serra Gaúcha e a Universidade Federal de Santa Maria, realizou o 3º Simpósio Internacional de Educação Superior, na Cidade de Caxias do Sul, Rio Grande do Sul, Brasil, no período de 08 a 10 de julho de 2004.

    A Ries visava, com este evento, congregar docentes e pesquisadores para discutir e ampliar os saberes que envolvem a teoria e prática da Educação Superior. Avançando passos na construção de uma referência nacional em Pedagogia Universitária, trabalho coletivo que já vem sendo esboçado por pesquisadores da Rede, sistematizando os saberes que vêm sendo produzidos nas diferentes áreas de profissionalização na Educação Superior, buscou-se também reunir docentes e pesquisadores das áreas específicas do conhecimento, discutindo e ampliando os saberes tendo em vista a construção de uma Pedagogia Universitária, originando a idéia do 1º Ciclo de Estudos e Debates sobre Pedagogia Universitária, realizado paralelo ao Simpósio, com foco nas práticas pedagógicas em diferentes áreas: Educação, Saúde, Direito, Administração e Tecnologias. Neste 2º volume são retratadas diferentes experiências de institucionalização da Pedagogia Universitária. A obra é publicada pela Ries / Fapergs.

    Em 2005 a Ries foi escolhida como Núcleo de Excelência em Ciência, Tecnologia e Inovação do CNPq/Fapergs, o único núcleo em educação, composto pelas universidades PUCRS, UFRGS, UFSM e Unisinos. A partir deste reconhecimento e apoio a Ries publica e vem se dedicando à meta analise da área da educação superior, tendo publicado em 2006, pelo Inep/MEC a Enciclopédia de Pedagogia Universitária, v. 2 Glossário. No contexto de Núcleo de Excelência em Ciência, Tecnologia & Inovação em Educação, a Ries vem realizando os seguintes seminários:

    1. UFRGS – 2º Simpósio Nacional de Educação Superior e desenvolvimento profissional – 29 e 30 de junho de 2006. Porto Alegre/RS
    2. PUCRS – 4º Seminário Internacional de Educação Superior, Aprendizagem na Educação Superior – Desenvolvimento profissional do docente e o desenvolvimento dos alunos – 9 a 11 de outubro de 2006. Porto Alegre/RS.
    3. Unisinos – 5º Seminário Nacional de Pedagogia Universitária – Educação Superior: desafios e perspectivas dos grupos de pesquisa no contexto acadêmico – de 14 a 16 de maio 2007. São Leopoldo / RS
    4. Unifra/UFSM – 4º Simpósio de Educação Superior – Desenvolvimento Profissional Docente – 1º Fórum de pesquisadores em Educação Superior. Santa Maria / RS.

    Em 2007, a Ries foi selecionada como Observatório de Educação – Indicadores de Qualidade para a Educação Superior Brasileira Capes/Inep. Os objetivos do projeto estão abaixo relacionados:

    • Configurar e mapear os indicadores de desempenho do sistema de educação superior brasileiro e internacionais relativos à qualidade do ensino superior.
    • Selecionar e construir indicadores nas categorias identificadas como denotativas da qualidade da educação superior no país.
    • Analisar a qualidade do ensino superior a partir dos indicadores construídos utilizando a base de dados disponibilizada pelo Inep/MEC com possíveis bases complementares.
    • Relacionar os indicadores de qualidade do ensino superior construídos pela Rede Ries com o que está posto nas políticas constitutivas da educação superior brasileira.
  • Sites Relacionados

  • Contato

    Rede Sulbrasileira de Investigadores de Educação Superior (Ries)
    Av. Ipiranga, 6681 – Prédio 8
    CEP: 90619-900 – Porto Alegre/RS
    Fone: (51) 3320-3500 – Ramal: 3620 – Sub-ramal: 216 | (51) 3320-3620 – ramal 216
    E-mail: [email protected]

  • Introdução

    O projeto Ries tem como objetivo configurar a educação superior como área de produção de pesquisa e de ensino nas Instituições de Ensino Superior Gaúchas. A proposta investigativa encontra justificativa no fato de que o desenvolvimento científico – tecnológico, especialmente o desenvolvido pela universidade ancora a sociedade atual e exigem reflexões éticas como nunca antes na história. E em termos brasileiros ele ocorre especialmente no seio da universidade. A tal assertiva acrescenta-se a pujante força dos mercados globalizados que tem em seu cerne a produção e o uso do conhecimento e que oscilam num duplo vetor: o excludente e o integrante. De um lado a exclusão do próprio conhecimento e das benesses por ele geradas aumentando as diferenças distributivas entre hemisférios, países, regiões, grupos, que conduzem a verdadeiros apartheids e déficits tecnológicos. De outro lado todo um movimento de articulação e disponibilização de saberes que molda as novas comunidades de conhecimento transpondo seculares limites de espaço, tempo, região e exigindo esforços colaborativos e consensos, mesmo que “provisórios” e estritamente direcionados para objetivos específicos.

  • Quem somos

    Coordenador

    Profª Dr. Marília Morosini (PUCRS)

    Equipe do Projeto

    Marília Costa Morosini coord – PUCRS
    Cleoni Maria Barboza Fernandes – PUCRS
    Elizabeth D. Krahe – UFRGS
    Mari Margarete Forster – Unisinos
    Maria Estela dal Pai Franco – UFRGS
    Maria Isabel da Cunha – Unisinos
    Lucia Maria Martins Giraffa – PUCRS
    Marlene Correro Grillo – PUCRS
    Silvia Maria de Aguiar Isaia – UFSM

  • Objetivos

    Geral:

    configurar a educação superior como área de produção de pesquisa e de ensino nas Instituições de Ensino Superior Gaúchas.

    Específicos:
    • Mapeamento da produção acadêmica sobre educação superior, engloba relações políticas, sociais e econômicas, presentes no desenvolvimento do campo de conhecimento em apreço e das instituições e organismos da sociedade civil onde forma geradas as produções. Destacam-se os seguintes objetivos/metas e indicadores de desempenho:
      1. Quanto a trajetória – Traçar a trajetória da Educação Superior como campo de produção intelectual a partir da sociedade civil (Aesufope e Anped) e institucionais (Laboratórios de Educação Superior);
      2. Quanto ao temas e meios da produção – Identificar e destacar as principais temáticas que tem sido alvo de reflexões e de estudos articulando-as aos meios de disseminação (encontros acadêmicos, periódicos, anais, relatórios, etc);
      3. Quanto às experiências – Resgatar experiências relevantes expressivas da produção intelectual sobre educação superior;
      4. Quanto aos pesquisadores – Delinear o perfil dos membros da comunidade científica da área (os que pesquisam sistematicamente nos últimos 5 anos) e os que colaboram com o campo (produções ocasionais);
      5. Quanto à disponibilização do Conhecimento – Desenvolver um Banco de Informações: sobre a Educação Superior como campo de produção acadêmica que disponibilize:
        • Documentos oficiais; Dados Estatísticos
        • Estudos; Relação de Universidades
        • Revistas eletrônicas de Educação Superior
        • Notícias e eventos; Lista de integrantes.
        • Organizar e fortalecer um movimento de professores/pesquisadores, vinculados prioritariamente à instituições de educação superior gaúchas, preocupadas com a educação superior enquanto área de conhecimento e de prática profissional que contemple à Pedagogia Universitária;
        • Articular os pesquisadores no Estado do Rio Grande do Sul visando um continuo mapeamento da área, através de pesquisa que atenda primeiro a ordem dos objetivos, workshops, acesso à página; subsidiar políticas públicas de organização das IES no tocante administração e gestão e à pedagogia universitária;
        • Construir um espaço virtual, disponibilizando as informações coletadas e articulando a participação coletiva (Consulta à Home Page, desenvolvimento e acesso ao banco, chat de discussões);
        • Institucionalizar e consolidar a Rede a partir das ações citadas anteriormente e da manutenção contínua de atuação da Ries.
  • Introdução

    O Pronex – Educação Superior e Contextos Emergentes é realizado no âmbito da parceria da rede Ries – Rede Sul Brasileira de Investigadores da Educação Superior, criada em 1999, envolvendo grupos de pesquisa das seguintes instituições: PUCRS, Unisinos, UFRGS, UFSM, Unicruz, Unilassale e UFPel.

    Esta pesquisa visa compreender as estratégias que a educação superior aciona frente a cinco dimensões caracterizadoras dos contextos emergentes: políticas e gestão; práticas pedagógicas; desenvolvimento profissional e formação docente; avaliação e redes de colaboração e internacionalização da educação superior.

    • 1ª Fase: Análise documental e estado de conhecimento
    • Análise documental: legislação afim relativa aos documentos oficiais; institucionais, internacionais; análise de dados censitários, bancos de dados oficiais (Inep, MCTI, CNPq, Capes); estatísticas nacionais e internacionais.
    • Mapeamento, em sites de IES selecionadas para análise de cada das dimensões, de descritores relativos à respectiva temática em estudo.
    • Construção do estado do conhecimento sobre políticas governamentais que tratam de cada uma das dimensões selecionadas.
    • 2ª Fase: Trabalho empírico- descrição do campo de estudo de cada dimensão, por meio de estudos de caso e/ou analises comparativas.
    • 3ª Fase: Estudos de Caso comparativos entre dois ou mais países: Brasil, México, Portugal, Espanha, Uruguai, Argentina, Colômbia, Estados Unidos.
    • 4ª Fase: Mapeamento de estratégias de práticas para estudantes, professores, cursos e instituições de educação superior relativo aos contextos emergentes.
  • Equipe

    Coordenação:
    Dra. Marilia Costa Morosini (PUCRS) – A1 CNPq

     

    Pesquisadores de Cursos de Pós Graduação e Universidades Consolidadas:

    Dra. Denise Balarine Cavalheiro LEITE (UFRGS) A1 CNPq
    Dra. Maria Isabel da Cunha (UFPel)   A1 CNPq
    Dra. Doris Pires Vargas Bolzan (UFSM) 2 CNPq
    Dra. Maria Estela Dal Pai Franco (UFRGS)
    Dra. Silvia Maria de Aguiar Isaia (UFSM)  Pesq. gaúcho (Fapergs) 2 CNPq

     

    Pesquisadores de Curso de Pós-Graduação Emergente:

    Dra. Maria Aparecida Marques da Rocha (Unisinos)
    Dra. Maristela Pedrini (USC)
    Dra. Marilene Dalla Corte (UFSM)
    Dra. Sirlei de Lourdes Lauxen (Unicruz)
    Dra. Vera Lucia Felicetti (Umilassale)
    Dra. Beatriz M. B. A. Zanchet (UFPel)

  • Resultados

    Fase 1 2016 – 2017

    • X Sies – Seminário Internacional de Educação Superior – Conhecimentos em contextos emergentes no centenário da Reforma de Córdoba
      • 200 participantes;
      • Em torno de 100 trabalhos
      • Participantes e conferencistas da AR, PT, e de diversos estados brasileiros
      • Publicação de 3 livros e-book: 1. Conferências; 2. trabalhos dos Simpósios Simultâneos; e 3. Anais do evento.
    • Lasa 2018 Organização do Painel “EDUCAÇÃO SUPERIOR EM
  • Introdução

    O Projeto Indicadores de Qualidade para a Educação Superior Brasileira – é interinstitucional e faz parte da Ries – Rede Sul Brasileira de Investigadores da Educação Superior – Núcleo de Excelência em C T & I em Educação – CNPq/Fapergs – a qual participou e foi contemplada no Edital nº. 001/2006/NEP/Capes – com o Observatório da Educação – Capes/Inep – cujo projeto investiga quais indicadores de qualidade para a educação superior brasileira pode ser sugeridos, a partir da análise dos indicadores nacionais e internacionais existentes sobre o desempenho do sistema de educação superior.

    Projeto – Indicadores de Qualidade para a Educação Superior Brasileira nº. 001/2006/Inep/Capes a que se vinculam/vincularão os núcleos do observatório da educação:
    • MOROSINI, M. C. – CNPq/Bolsa produtividade em Pesquisa 1
    • LEITE, D. – CNPq/Bolsa produtividade em Pesquisa 1
    • CUNHA, M. – CNPq/Bolsa produtividade em Pesquisa 1
    •  ISAIA, – CNPq/Bolsa produtividade em Pesquisa 2
    • FERNANDES, C. – CNPq/Bolsa produtividade em Pesquisa 2
    • FRANCO, M.E. – Projeto de pesquisa Fapergs
    • ENRICONE, D. – Projeto de Pesquisa Fapergs
    • MORÉS, A. – Programa de Pós-Graduação em Educação UCS
  • Quem somos

    Instituições participantes:

    PUCRS, UFRGS, UFSM, Unisinos

    Coordenadora:

    Profª Drª. Marília Costa Morosini (PUCRS)

    Equipe do projeto:
    Bolsistas:

    Mestrado
    Greice Scremin

    Doutorado
    Marialva Linda Moog Pinto (Unisinos)
    Rosalir Viebrantz (PUCRS)

    Pós-doutorado 
    Andréia da Silva Quintanilha Souza (Unir)

    Apoio Técnico 
    Cristina Zanettini Ribeiro

    Iniciação Científica 
    Alexandre Ferreira da Silva

  • Objetivos

    1. Configurar e mapear os indicadores de desempenho do sistema de educação superior brasileiro e internacionais relativos à qualidade do ensino superior.
    2. Selecionar e construir indicadores nas categorias identificadas como denotativas da qualidade da educação superior no país.
    3. Analisar a qualidade do ensino superior a partir dos indicadores construídos utilizando a base de dados disponibilizada pelo Inep/MEC com possíveis bases complementares.
    4. Relacionar os indicadores de qualidade do ensino superior construídos pela Rede Ries com o que está posto nas políticas constitutivas da educação superior brasileira.

Enciclopédia Brasileira da Educação Superior

A Enciclopédia Brasileira de Educação Superior (Ebes), coordenada pela professora Marília Morosini, não é mais uma coletânea de diferentes textos, e sim um legado de diversos  professores/pesquisadores que dedicaram toda ou boa parte de sua vida profissional à Educação, especialmente à Educação Superior, em diferentes tipos de Instituições de Ensino Superior (IES) e situações de desempenho, bem como vivenciaram diferentes posições de inserção (docência,  investigação, extensão, gestão) nos sistemas público, privado, confessional ou comunitário de educação, em órgãos ou autarquias do diversificado sistema em expansão, que se organizou no País, principalmente, nas últimas décadas. Sujeitos compromissados com a continuidade da Educação Superior e, sobretudo, com uma visão propositiva de aperfeiçoamento e crescimento da educação que as novas gerações podem receber.

A obra tem dois volumes e a versão digital está disponível gratuitamente no site da Editora da PUCRS.

Série Educação Superior

A série Educação Superior Ries/Pronex é uma sequência de obras que tem como temática a Educação Superior e suas especificidades. A contribuição de autores especialistas em suas áreas de atuação torna a série um referencial para o estudo aprofundado das particularidades deste nível da educação.

 
Pedagogia Universitária e Áreas do Conhecimento
Ano: 2007
Edição: 1ª
Editora: Edipucrs
Autores: Maria Estela Dal Pai Franco

Pedagogia Universitária e Aprendizagem
Ano: 2007
Edição: 1ª
Editora: Edipucrs
Autores: Maria Emilia Amaral Engers, Ana Barandas; Marilia Costa Morosini

Pedagogia Universitária e Produção de Conhecimento
Ano: 2008
Edição: 1ª
Editora: Edipucrs
Autores: Cecília Luiza Broilo; Maria Isabel da Cunha

Educação Superior e Aprendizagem / Higher Education And Learning
Ano: 2015
Edição: 1ª
Editora: Edipucrs
Autores: Marília Morosini; Vera Lucia Felicetti; Maria Emília Amaral Engers

Educação Superior e Contextos Emergentes. Higher Education And Emerging Contexts
Ano: 2016
Edição: 1ª
Editora: Edipucrs
Autores: Maria Estela Dal Pai Franco, Jaime José Zitkoski; Sérgio Roberto Kieling Franco (Org.)

Educação Superior e Conhecimento no Centenário da Reforma de Córdoba: Novos Olhares em Contextos Emergentes
Ano: 2019
Edição: 1ª
Editora: Edipucrs
Autores: Sérgio Roberto Kieling Franco, Maria Estela Dal Pai Franco; Denise Balarine Cavalheiro Leite

Práticas Pedagógicas na Educação Superior: Desafios dos Contextos Emergentes
Ano: 2020
Edição: 1ª
Editora: Edipucrs
Autores: Maria Isabel da Cunha, Gabriela Machado Rodrigues (Orgs.)

Singularidades da Formação e do Desenvolvimento Profissional Docente
Ano: 2021
Edição: 1ª
Editora: Edipucrs
Autores: Dóris Pires Vargas Bolzan, Ana Carla Hollweg Powaczuk; Marilene Gabriel Dalla Corte (Orgs.)

Enciclopédia Brasileira de Educação Superior (Ebes) – Volume 1
Ano: 2021

Edição: 1ª

Editora: Edipucrs

Autores: Marilia Morosini (Org.)

Enciclopédia Brasileira de Educação Superior (Ebes) – Volume 2
Ano: 2021
Edição: 1ª
Editora: Edipucrs
Autores: Marilia Morosini (Org.)
Internacionalização da Educação Superior e a Construção da Cidadania Global – Existem Conexões Possíveis?

Internacionalização da Educação Superior e a Construção da Cidadania Global – Existem Conexões Possíveis?
Ano: 2021
Edição: 1ª
Editora: Edipucrs
Autores: Jocelia Martins Marcelino, Sirlei de Lourdes Lauxen

Notícias