Programa de Acolhimento Psicológico na Pandemia, SAPPA pandemia provocada pela Covid-19 tem nos exigido lidar com rápidas mudanças e sentimentos como incerteza, medo, luto e ansiedade. Diante dessa nova realidade, a atenção e o cuidado com a saúde mental se tornam ainda mais fundamentais. Para atender as demandas da população frente as dificuldades emocionais, o Serviço de Atendimento e Pesquisa em Psicologia (SAPP) da Escola de Ciências da Saúde e da Vida da PUCRS está disponibilizando atendimento online e gratuito para a comunidade. 

Coordenado pelas professoras Renata Dipp e Fernanda Moraes, o SAPP realiza em média cerca de 15 mil atendimentos presenciais por ano. Durante 2020, em decorrência da pandemia, o Serviço foi interrompido entre os meses de março e agosto, retornando com apenas 25% da capacidade para atender aos protocolos de distanciamento social. Em setembro, após liberação do Conselho Federal de Psicologia, os atendimentos realizados pelos estagiários puderam ser adaptados ao modelo online. 

“É nosso papel como universidade devolver o conhecimento científico produzido à sociedade. Estudos demonstraram que ao mesmo tempo em que as medidas de distanciamento social são fatores de proteção fundamentais, elas também evidenciam desfechos psicológicos negativos de diferentes ordens. E isso também foi vivido na prática pelos nossos núcleos de atendimento, o que naturalmente nos levou a pensar em como ampliar a nossa capacidade de serviço, que já estava restrita por conta dos necessários protocolos sanitários”, destaca Renata. 

Acolhimento durante a pandemia

O Programa de Acolhimento Psicológico na Pandemia do SAPP oferece apoio em diferentes áreas, que incluem: psicoterapia individual, de casal, familiar e de grupos temáticos; consultoria às escolas e às empresas; suporte e plantões psicológicos voltados para a comunidade escolar; orientação profissional e aconselhamento de carreira; oficinas sobre o impacto do trabalho remoto e saúde do trabalhador; intervenções psicossociais/comunitárias, dentre outras. 

O atendimento do Programa é voltado para a população de Porto Alegre e região metropolitana. As inscrições para a primeira edição podem ser realizadas a partir do dia 19 de março por meio de um formulário que deverá ser integralmente preenchido através deste link. Todos os inscritos passarão por duas entrevistas de acolhimento para posterior direcionamento do atendimento conforme a demanda identificada. A chamada para os atendimentos seguirá a ordem de inscrições no site e as atividades ocorrerão através de plataformas online.  

“O recurso de atendimentos online nos possibilitou planejar um programa emergencial para acolhimento dessas diferentes demandas decorrentes da pandemia. O Programa permitirá que a comunidade local possa usufruir dessa alternativa de apoio e, também, possibilitará que nossos estagiários atuem conectados as novas demandas técnicas, desde uma perspectiva ética” ressalta Fernanda.    

Pioneirismo e atuação constante

O curso de Psicologia da PUCRS, constituído em 1953, é o segundo do Brasil e primeiro da Região Sul. Criado em 1974 e pioneiro no Estado, o SAPP, além de ser campo de práticas supervisionadas e pesquisa, disponibiliza atendimento gratuito para a comunidade.  

O Serviço possui sete núcleos que atuam em diversas áreas:  Núcleo de Práticas, os Núcleos Clínicos (abordagens psicanalítica, sistêmica e cognitivo-comportamental), e os Núcleos Ampliados (Psicologia Escolar e Educacional, Psicologia Social e Institucional e Psicologia da Carreira e do Trabalho). O Serviço de Atendimento e Pesquisa em Psicologia da PUCRS é um dos mais procurados em Porto Alegre e conta com uma equipe de sete psicólogos/as supervisores e 96 estagiários/as.

Serviço

Programa de Acolhimento Psicológico na Pandemia

Hospital São Lucas, entrada, hsl

Foto: Bruno Todeschini

Os profissionais da área da saúde atuam diretamente na linha de frente no combate ao coronavírus (Covid-19). Pensando nisso, o Hospital São Lucas da PUCRS (HSL) lançou a campanha Conta comigo, estamos juntos, por meio do Serviço de Psiquiatria. O objetivo é prestar suporte psicoemocional para essas pessoas, ajudando a aliviar o desgaste mental e emocional que esse tipo de cenário pode causar.

Atendimentos psicológicos serão disponibilizados gratuitamente aos interessados de todas as áreas do HSL. “Nossos profissionais se empenham diariamente no cuidado da população, e nesse período de enfrentamento ao novo coronavírus, a exigência emocional é ainda maior. Viabilizar uma iniciativa como essa mostra que um olhar integral aos nossos colaboradores é essencial, sobretudo em cenários adversos como este que estamos vivendo”, ressalta o Diretor Geral do Hospital, Leandro Firme.

O projeto é coordenado pelo Dr. Marco Pacheco, chefe do Serviço de Psiquiatria, e conta com a colaboração de voluntários, todos com formação na área da psiquiatria. Os atendimentos serão realizados de forma online, em três modalidades:

Com essa nova iniciativa, o Hospital São Lucas da PUCRS, com o apoio do Serviço de Psiquiatria, reforça o seu compromisso de cuidar da vida em todas a suas dimensões.