Ensino

Talentos em Ação promove, de forma diferente, relação entre candidato e empregador

quinta-feira, 14 de novembro | 2019

talentos em ação, pucrs carreiras

Foto: Camila Cunha

Na quarta-feira, 13 de novembro, o evento Talentos em Ação proporcionou o famoso match entre grandes empresas, estudantes e graduados que estiveram em busca de uma oportunidade de trabalho. Organizado pelo PUCRS Carreiras, permitiu aos candidatos inscritos, em formato de jogo, vivenciarem novas formas de contato, aproximando recrutadores e futuros empregados do mercado de trabalho, partilhando momentos de trocas de experiências e mostrando todo o seu potencial para os empregadores. A atividade reuniu mais de noventa inscritos e 20 empresas parceiras representadas.

Dois minutos de fala
O chamado pitch, um certo modelo de currículo falado, deu a oportunidade aos candidatos de se apresentarem de forma livre, enfatizando suas qualidades por meio de apresentações criativas em slides, desenhos e histórias inspiradoras. Thanael Coutini é estudante do curso de Publicidade e Propaganda na Escola de Comunicação, Artes e Design – Famecos, e participante do Talentos em Ação: “Trabalhei como voluntário no setor de comunicação de uma paróquia, com edição de vídeos, e por dois meses em uma agência, mas não era o que eu queria. Fiquei sabendo pelo e-mail da PUCRS, me inscrevi, então vim descobrir novas empresas e construir esta relação empregado e empregador”, relata o universitário. Na sua avaliação, “o mais legal de tudo” foram as dinâmicas, a oportunidade de se apresentar para a empresa e não necessariamente um currículo, mas, sim, poder falar um pouco sobre si e de suas as experiências. “No Pitch tentei me manter calmo, mas me senti um pouco nervoso. Foi muito legal, pois pude mostrar como realmente sou e como posso agregar não só como profissional, mas como colega”, enfatiza.

talentos em ação, pucrs carreiras

Foto: Camila Cunha

Desvendando o enigma
Convidados a solucionar problemas, os participantes foram divididos em duas salas para decodificar o cadeado, em 30 minutos, que trancava uma caixa misteriosa, por meio de pistas espalhadas. Os representantes de empresas contratantes acompanharam a atividade, conhecendo e avaliando suas competências e como reagiriam à pressão do tempo determinado. Bruna Correa, participou da edição do Talentos em 2018, e hoje atua com Recrutamento e Seleção no PUCRS Carreiras: “Foi uma experiência incrível que me marcou muito. Participei, depois de um tempo o PUCRS Carreiras me chamou, e hoje estou aqui. Já havia trabalhado como jovem aprendiz na aqui na PUCRS mesmo”, destaca.

O propósito
Kátia Almeida, coordenadora do PUCRS Carreiras e especialista em Gestão de Pessoas, diz ser fundamental para o estudante apresentar-se além do currículo. “A proposta do Talentos em Ação combina muito com o propósito do PUCRS Carreiras, que é promover a empregabilidade dos alunos. A diferença é que, em um dia, o Talentos oportuniza a muitas empresas estarem juntas em uma única seleção. Aqui, você mostra quem é, como trabalha em grupo, como se comporta em determinadas situações, e se a empresa se interessa, você terá também como mostrar suas habilidades profissionais”, esclarece.

Modelo de inspiração
Karoline Rodrigues é representante da Gerdau e trabalha com o recrutamento de estagiários na empresa. Ela diz ter o Talentos como uma inspiração para os novos processos seletivos a serem realizados por lá. “Vim para poder ver os estudantes em um contexto diferente que não só como o de seleção. Acho fundamental que tenha um momento de seleção convencional, de apresentação da pessoa, mas um momento dinâmico acaba sendo muito mais propício para que a gente possa observar as competências, que são as mesmas que aparecerão no local de trabalho. Como a pessoa resolve conflitos, problemas, como acontece a interação com outras pessoas, enfim, todos os desafios”, analisa. A recrutadora também valorizou o fato de o evento apresentar uma proposta mista de algo tradicional, da entrevista, com uma abordagem diferenciada, que é o modelo de gamificação. “Essa proposta é super legal, a gente interage com o candidato, o candidato interage com a gente, é uma via de mão dupla. A tomada de decisão ela acaba sendo compartilhada, e é bem o que a gente precisa: esse match de candidato e empresa”, elogia.

Estudante de Gestão Ambiental em outra universidade, Sandra Zimmermann, ficou sabendo pelo site do PUCRS Carreiras sobre a atividade. “Fui para me inscrever em outro evento, do Tecnopuc, e acabei me interessando pelo Talentos em Ação. Minha participação foi além das minhas expectativas. Quando fiz a minha apresentação, busquei mostrar para a empresa quem eu realmente sou para, depois, aparecer com meus conhecimentos técnicos”, relata a universitária.

Confira as fotos do evento:

Mais recentes