Inovação

Jogo desenvolvido pela Aquiris estreia na Apple Arcade em 2021, a Netflix dos Games

quinta-feira, 28 de janeiro | 2021

Jogo desenvolvido pela Aquiris estreia na Apple Arcade em 2021, a Netflix dos Games

Foto: Reprodução

A Aquiris Game Studio, empresa que faz parte do Parque Científico e Tecnológico da PUCRS (Tecnopuc), está entre as 500 empresas de maior crescimento nas Américas, de acordo com a lista divulgada em 2020 pelo jornal Fination Times. E a desenvolvedora inicia o ano com uma notícia animadora: irá experimentar um novo modelo de negócio e passará a integrar o catálogo de jogos da Apple Arcade, conhecida como a “Netflix dos Games”. 

Para Israel Mendes, publicitário formado pela Escola de Comunicação Artes e Design da PUCRS (Famecos) e confundador da Aquiris, estar entre as empresas de maior crescimento nas Américas é sinal de reconhecimento. “Acho que isso demonstra o poder da indústria criativa, mas em especial da indústria de games. Eu costumo dizer que fazer jogos é construir realidades e universos alternativos. Acho que o fator da imersão e o fator lúdico são super atraentes para quem quer ter outra vivência dentro dos jogos que são criados, e a Aquiris faz isso”, conta. 

A Apple Arcade, disponível a todos usuários da Apple, funciona como o modelo de assinatura mensal. A Aquiris estreia na plataforma com o jogo de aventura Wonderbox, com lançamento previsto para o primeiro trimestre deste ano. Nele é possível passar por obstáculos, enfrentar caminhos repletos de desafios, construir cenários e personalizar os recursos criando a própria aventura. 

“Ele é mais do que um jogo para ser jogado, é para ser criado – e essas criações serão entregues para outras pessoas jogarem. E o mais bacana é que de um jogo irão surgir outros jogos, por isso o nome é Wonderbox: The Adventure Maker. Para quem joga e curte esse gênero, vai significar muita coisa”, explica. 

Da “Empresa do Israel” para a Aquiris Game Studio 

Jogo desenvolvido pela Aquiris estreia na Apple Arcade em 2021, a Netflix dos Games

Foto: Reprodução

A empresa teve início em fevereiro de 2007 com foco em projetos de realidade virtual, quando a tecnologia era uma novidade. “Não existia óculos de realidade virtual e todos esses acessórios que hoje são muito falados. O que usávamos era, principalmente, a tecnologia de games para permitir que as pessoas visualizassem, testassem e brincassem com produtos do mundo real. Fomos a primeira a fazer uso comercial de Unity no Brasil, pioneira nesse sentido”, relembra Israel. 

Conforme empresa foi crescendo, o portfólio passou a oferecer produtos de advergames, a junção de advertising e games, que no começo eram gratuitos para o público: “Eram jogos feitos para publicidade, pois trabalhei durante bastante tempo em agências de comunicação e comecei a vender a Aquiris, que naquele momento era a ‘Empresa do Israel’. Com o tempo, obviamente, eu fiquei muito menor que a empresa”. Na época, com o recente lançamento do iPhone e sem as lojas de aplicativos, não existia conteúdo gratuito e de qualidade em tamanha oferta: Estávamos realmente à frente do tempo e entregando o que hoje chamamos de apps gratuitos”. 

Com a migração para a área do entretenimento, Israel conta que surgiram oportunidades de desenvolver produtos próprios, como jogos para as empresas Cartoon Network e Globo. “Passamos a criar games para divulgar conteúdos, não tínhamos mais anunciantes. Depois passamos a fazer jogos próprios e migramos o modelo de negócio da empresa”. 

Um sonho que emprega 145 profissionais do ramo 

Jogo desenvolvido pela Aquiris estreia na Apple Arcade em 2021, a Netflix dos Games

Foto: Reprodução

No início de 2019, a Aquiris foi o primeiro estúdio brasileiro de games a ser convidado para fazer parte do Serviço de Subscription da Apple, a Apple Arcade. A empresa, que chegou ao Tecnopuc em 2011, iniciou com três pessoas, além de Israel, Mauricio Longoni e Amilton Diesel, os sócios fundadores da empresa. Atualmente, 145 pessoas fazem parte da Aquiris Games Studio. “Prevemos mais crescimento para 2021, não quantitativo, mas, principalmente, qualitativo. Queremos, cada vez mais, melhorar os talentos que temos”, destaca Israel. 

Para Jorge Audy, superintendente de Inovação e Desenvolvimento da PUCRS, a Aquiris tem uma das mais belas e representativas trajetórias das startups criadas no Tecnopuc, fruto de spin-off da área acadêmica da PUCRS. “Quando os fundadores iniciaram o empreendimento em uma área nova e desafiadora, tinham toda a energia e coragem para criar e desbravar um novo segmento no nosso ecossistema. Hoje, com clientes como Cartoon Network, Nickelodeon e Warner, além de criações próprias, já recebeu importantes aportes financeiros, como da CRP, ampliou sua equipe, área de atuação e ambientes de produção e desenvolvimento”, comenta. 

A trajetória acadêmica e profissional do Israel Mendes, jovem estudante da Famecos na época da criação da empresa, representa bem o padrão de qualidade internacional que a Aquiris atingiu” JORGE AUDY 

Para André Pase, professor da Famecos e pós-doutor em Jogos Eletrônicos, a Aquiris sempre apresenta inovação e alta qualidade nos projetos. Hoje a empresa é parceira do curso de Especialização de Desenvolvimento de Jogos da PUCRS, promovido pela Escola Politécnica e pela Famecos. “A Aquiris tem um programa bem legal de bolsas para os melhores alunos. Além de professores do curso que trabalham lá. Muitas vezes profissionais observam os trabalhos dos alunos”, ressalta.  

O professor ainda destaca o desenvolvimento da Aquiris até o momento: “Se anos era uma empresa escolhida para demonstrar o potencial da Unity com demonstrações técnicas, o que já era um feito, nesse período lançou até jogo em caixinha física para PlayStation e agora é uma das escolhidas da Apple para o Apple Arcade. Ou seja, tem excelência técnica e de conteúdo”, elogia. 

Mais recentes