Ensino

Escola de Negócios: conheça os cursos e as possibilidades de atuação

terça-feira, 20 de fevereiro | 2024

ESCOLA DE NEGÓCIOS

Cursos da Escola de Negócios estão com processos seletivos abertos para ingresso ainda em 2024. / Foto: Giordano Toldo

Não há dúvidas de que as aulas práticas são fundamentais para o aprendizado na Universidade. Com elas, estudantes conseguem visualizar de maneira efetiva conceitos que podem parecer muito abstratos na teoria. Na Escola de Negócios, os cursos de Administração, Ciências Contábeis e Ciências Econômicas percebem essa importância e aplicam de diferentes formas o conteúdo teórico junto aos estudantes. Conheça, a seguir, como funcionam as práticas nesses cursos que estão com inscrições via Ingresso de Diplomado, Reingresso ou Reopção, e Transferência, que contam com descontos exclusivos 

Administração: solucionando problemas reais 

O curso possui diferentes possibilidades de atuação. O profissional de administração não precisa, necessariamente, ser alguém de terno e gravata que trabalha em uma empresa.

“O/a profissional formado em Administração pode atuar em áreas muito diversas, como de produção e operações, setor industrial, em organizações, no marketing, no desenvolvimento e capacitação de pessoas, em recrutamento e seleção e na área financeira, por exemplo”, explica a coordenadora do curso, Naira Libermann. É por essa diversidade de possibilidades que o curso possui, ao todo, cinco linhas de formação 

Uma delas é a de Inovação e Empreendedorismo. Nela, há quatro disciplinas práticas nas quais os/as alunos/as realizam seus próprios projetos inovadores. Além disso, os/as estudantes conseguem utilizar toda a estrutura do Parque Científico e Tecnológico da PUCRS (Tecnopuc) para auxiliá-los nesse desenvolvimento de projetos.  

Já nas demais linhas de formação (Administração de EmpresasLiderança e Gestão de PessoasMarketing e Negócios Internacionais) possuem as disciplinas Projeto Integrador I e II, que procuram resgatar conteúdos por meio de projetos práticos.  

Programa de Pós-Graduação em Economia

Foto: Camila Cunha

Na primeira disciplina, a temática é Cidades Inteligentes e Sustentáveis, em que a proposta é que as turmas pensem uma cidade real específica que possa ser melhorada por meio de diferentes projetos. “Antes da pandemia, por exemplo, foram trabalhadas Picada Café e Ivoti. Esses municípios foram visitados pelas turmas para que pudessem ser conhecidos em sua integralidade. Dessa forma, os grupos puderam compreender quais eram os problemas enfrentados pela população e moldar seus projetos a partir dessa análise. Durante o momento de pandemia, que tornou o ensino online necessário, a ideia foi pensar em bairros de Porto Alegre”, relembra Naira. Já em Projeto Integrador II, a ideia é atuar junto a empresas parceiras da Escola de Negócios. Nessa disciplina, são montados projetos até mesmo para empresas internacionais.  

Ciências contábeis: decifrando a linguagem dos negócios 

O contador é o elo entre os fatos contábeis das organizações, dando vida aos números registrados, demonstrando suas interpretações a sócios, gestores e interessados. O mercado de trabalho oferece grandes oportunidades, tanto no setor privado, quanto como funcionário ou autônomo, ou ainda em órgãos públicos. A presença de um contador é imprescindível na composição da equipe técnica de qualquer organização, considerando a complexidade da legislação tributária e fiscal, assim como as necessidades econômicas e financeiras das empresas. 

A atividade profissional do contador está intimamente relacionada ao desenvolvimento socioeconômico. Ou seja, às expectativas da sociedade em relação à necessidade de sustentar o bem comum diante da complexidade crescente que envolve as questões sociais e econômicas. 

As disciplinas no curso são voltadas, principalmente, aos conhecimentos sobre as demonstrações financeiras, custos, legislação comercial, planejamento tributário, auditoria, perícia, controladoria, governança corporativa e gestão de riscos. Há, ainda, um Laboratório de tributos, no qual todas as questões tributárias e contábeis de empresas são realizadas pelos estudantes, como:

  • O aprofundamento de questões mais complexas relacionadas à apuração dos tributos sobre o lucro e ao planejamento tributário; 
  • O desenvolvimento de atividades relacionadas à formulação de requerimentos, entrega de declarações e ao cumprimento de outras obrigações acessórias perante o fisco, as quais são uma autoridade fazendária do país que controla os pagamentos de impostos em todas as esferas tributárias, seu objetivo é controlar a legislação tributária. Federalmente, é o Ministério da Fazenda.

Escola de Negócios

Foto: Camila Cunha

A contabilidade é a linguagem dos negócios, ela é necessária para a comunicação com os acionistas e as pessoas interessadas nos resultados das empresas. As empresas querem contratar pessoas que conheçam essa linguagem, por isso o curso de Ciências Contábeis se mostra tão importante na sociedade e tem uma grande empregabilidade”, comenta a coordenadora Sandra de Vargas. 

Ciências Econômicas: auxiliando a comunidade mesmo na pandemia 

Esse curso da Escola de Negócios é voltado àqueles que gostam de matemática e história, e desejam compreender os atuais fenômenos sociais e econômicos do mundo. A formação em Ciências Econômicas prepara os/as estudantes para realizar análises e projeções de cenários aos setores público e privado, desenvolve a capacidade de tomar decisões e utiliza métodos quantitativos para a resolução de problemas econômicos. 

Há duas linhas de formação no curso: Economia e Finanças. Na primeira, além de teoria econômica, os/as alunos/as aprendem métodos e técnicas de estimação de fenômenos socioeconômicos por meio de três disciplinas: econometria I, II e III. Já em Finanças, a teoria econômica é aplicada juntamente aos fundamentos do mercado financeiro, realizando análises dos mercados de renda fixa e renda variável, como o da Bolsa de Valores.   

O curso conta com grupo estudantil que conecta estudantes com o mercado de trabalho no setor financeiro, o PUCRS Finance. A iniciativa, por meio da Liga de Mercado Financeiro, também proporciona que alunos e alunas atuem em desafios e competições nacionais e internacionais.  

“Diante dessas oportunidades, os/as estudantes são incentivados/as a exercer atividades durante a sua graduação, ampliando seus conhecimentos e habilidades na prática, o que os torna protagonistas da sua formação”, afirma Kellen Fraga, coordenadora do curso de Ciências Econômicas.

ingresse na ESCOLA DE NEGÓCIOS ainda em 2024

Mais recentes