Ensino

Curso na Famecos propicia a reflexão do Jornalismo a partir do cinema 

quarta-feira, 26 de junho | 2024

Interessados poderão aprimorar a formação jornalística em julho, por meio de quatro temáticas a serem discutidas nos filmes propostos.

Foto: Bruna de Oliveira/Famecos

A partir da segunda quinzena de julho, a Escola de Comunicação, Artes e Design — Famecos oferta o curso Jornalismo e Cinema: Revisões sobre a prática profissional, destinado para quem possui o interesse em refletir a respeito das condutas no cotidiano do repórter. Para tanto, utiliza-se como método a exibição de filmes que possam abordar, a cada aula, uma temática sobre os aspectos do campo profissional. No total serão quatro encontros, a começar pelo dia 15, segunda-feira, às 19h. 

Em um mundo de incertezas, como a reprodução de notícias falaciosas, por exemplo, a busca por um profissional que preze pela ética se tornou fundamental. O jornalista ainda é aquele quem melhor reúne as prerrogativas deontológicas do saber informar, com transparência e cuidado. 

Para representar essa versatilidade, optou-se pelo cinema, como sendo uma arte que engloba variadas dimensões. Da mesma forma que é comum o lançamento de filmes cujo enredo se baseia em personagens em meio a tribunais, hospitais ou delegacias, as redações também são outro espaço que gera curiosidade. Todas as ações circulam em ambientes com muita tensão e responsabilidade, o que transmite ao público uma impressão de suspense e mistério. 

O estereótipo do profissional corajoso, aventureiro, que encara qualquer pauta, não tem medo das fontes, está sempre pronto para revelar a verdade e punir os inimigos se aproxima muito, também, das habilidades das personagens dos quadrinhos. Conforme ilustra o jornalista Felipe Adam, doutor em Comunicação Social (PUCRS) e ministrante do curso.

“Assim, não é de se estranhar que dois super-heróis das HQs também ocupem a função de jornalistas, quando não voam entre os prédios. Clark Kent, o Superman, trabalha como repórter no Planeta Diário. Peter Parker, por sua vez, atua como fotógrafo freelancer para o Clarim Diário enquanto não assume a pele do Homem-Aranha”, comenta.

A fim de poder compreender os critérios e as estratégias profissionais, o curso se vale de quatro temáticas: Jornalismo e Memória,Jornalismo Investigativo,Jornalismo de Guerra e Sensacionalismo. A intenção não é adentrar na história do cinema, sequer analisar enquadramentos de câmera e luzes. O objetivo é que o curso possa servir como ferramenta para o entendimento da formação jornalística bem como a interpretação de como o próprio jornalista é representado no cinema.


Conheça o curso Jornalismo e Cinema: revisões sobre a prática profissional.
Com aulas online ao vivo, para você aperfeiçoar seus conhecimentos de onde estiver.

  • Datas: 15/7, 18/7, 22/7 e 25/7 de 2024.
  • Horário: 19h