A primeira temporada de Pachinko está disponivél na Apple TV+. / Foto: Divulgação/Apple TV+

Uma forma divertida de conhecer e até mesmo praticar idiomas é assistindo a filmes e séries estrangeiras. Além de treinar a escuta e a leitura, consumir outras produções também é uma oportunidade de descobrir novos lugares e culturas sem precisar sair de casa.   

Outra opção para quem quer estudar uma nova língua com praticidade e flexibilidade, além de adquirir bagagem cultural e aprender além da sala de aula, são os cursos do Centro de Idiomas da PUCRS (Lexis). Estão abertas as inscrições para cursos intensivos de verão de idiomas, e você pode escolher entre: alemão, japonês, coreano, inglês, francês, libras, espanhol, italiano e russo. As inscrições podem ser realizadas até o dia 15 de janeiro.  

Se você está pensando em estudar um novo idioma, confira seis séries estrangeiras disponíveis em serviços de streaming e comece a se preparar para as aulas!  

1) Pachinko (2022), em coreano

Baseado no livro da escritora Min Jin Lee, a série, original da Apple Tv, narra a saga de quatro gerações de imigrantes coreanos no Japão do século XX. Ao partir da sua cidade natal em Busan, a jovem Sunja busca uma vida melhor em solo japonês, mas para dar o melhor à sua família, terá que passar pelas adversidades do que significa ser coreana no Japão. 

2) Dark (2020), em alemão

A série se passa em uma pequena cidade alemã na qual crianças desaparecem misteriosamente próximo a uma antiga usina nuclear. O fato de desaparecimentos muito parecidos terem acontecido há exatos 33 e 66 anos chama a atenção de alguns moradores, que tentam entender o que está acontecendo. A história transita por quatro famílias (Kahnwald, Nielsen, Doppler e Tiedemann) em suas diferentes gerações. Primeira série original alemã para a Netflix, a produção tem 26 episódios divididos em três temporadas. 

3) Lupin (2021), em francês

As três temporadas de Lupin estão disponíveis na Netflix. / Foto: Divulgação/Netflix

A série acompanha o ladrão Assane Diop, que decide se vingar da abastada família responsável pela morte de seu pai 25 anos atrás, que resultou de acusação injusta feita contra ele. Para isso, Assane decide se inspirar em Arsène Lupin, famoso personagem da literatura francesa, também ladrão. A série, que mistura ação, drama e mistério, está disponível na Netflix 

4) A Amiga Genial (2018), em italiano

Baseada nos livros da escritora italiana Elena Ferrante, a série conta a história de duas amigas, Lenu e Lila, que se conhecem e se tornam amigas na década de 1950 na cidade de Nápoles. Anos mais tarde quando Lila desaparece, Lenu começa a escrever a história da amizade entre as italianas. A série pode ser assistida na HBO Max.  

5) A Jornalista (2019), em japonês 

Anna Matsuda é uma jornalista de renome que trabalha no Jornal Toto no Japão. Ao tentar descobrir a verdade sobre um esquema de corrupção governo do país, Anna faz inimigos perigosos que tentam derrruba-la. A série é uma produção original da Netflix.  

6) El presidente (2020), em espanhol

A série conta a história real do “Fifagate”, maior escândalo da história do futebol. A produção mostra a história de Sergio Jadue, diretor de um clube de futebol do Chile que acaba se tornando presidente da Associação Nacional de Futebol Profissional do Chile e se envolvendo em esquemas de corrupção. A primeira temporada tem oito episódios e está disponível no Amazon Prime Video

QUERO ESTUDAR UM NOVO IDIOMA EM 2024

Aprender um novo idioma contribui para o enriquecimento das experiências profissionais, pessoais e acadêmicas. A internacionalização durante o ensino superior é um passo importante para a formação de profissionais com competências multiculturais e pensamento global, habilidades cada vez mais valorizadas no mercado de trabalho.  

Para quem busca aprimorar o aprendizado de idiomas, ampliando as possibilidades de internacionalização, a professora Aline Fay, coordenadora do curso de licenciatura em Letras com ênfase na Língua Inglesa da Escola de Humanidades da PUCRS, reuniu cinco dicas para te ajudar nessa jornada. Confira:  

Leia também: PUCRS oferece disciplinas ministradas em inglês para promover internacionalização 

1. Anote e revise com frequência

O cérebro precisa de estímulos e a escrita, assim como a leitura, exerce esse efeito. Sendo assim, anote em um caderno o vocabulário e a gramática que você está estudando e revise pelo menos duas vezes por semana. Lembre-se: Aprender um novo idioma requer constância. 

2. Assista séries e filmes com legenda no idioma que você está estudando

No início pode parecer difícil, dependendo do seu nível de conhecimento no idioma. Uma boa dica é começar com séries/filmes que você já assistiu, assim há familiarização com as cenas e personagens. Ouvir e ler a legenda no idioma original, auxilia na compreensão oral e escrita da língua, pois você ouve e vê a escrita da palavra ao mesmo tempo. Além disso, aprende gírias e expressões idiomáticas utilizadas na fala mais coloquial.  

3. Leia muito

desenvolver um novo idioma, estudante

Para aprender um novo idioma é preciso ser persistente. / Foto: iStock

Não importa o tema e a mídia (jornais, revistas, sites, mídias sociais), o mais importante é praticar a leitura todos os dias. Alguns exemplos são: The Washington Post e Time Magazine. Além disso, alguns sites como o Cambridge Assessment English, BBC e British Council possuem seções focadas no aprendizado da língua inglesa e podem ser uma excelente alternativa para todos os níveis de proficiência na língua. 

Saiba mais: 3 dicas da neurociência para aprender um novo idioma

4. Pratique o idioma por meio da música

É difícil achar alguém que não goste de ouvir música! Aprender cantando é uma excelente ideia para evoluir no idioma, pois ao repetir a letra melhoramos a articulação e pronúncia das palavras. A internet oferece algumas opções, como os sites Lyricstraining e Lyrics Gap que permitem que você aprenda com base nas letras de canções famosas ou que você escute a música e preencha campos vazios na letra, de acordo com o que está entendendo.  

5. Utilize o YouTube e apps

O uso do YouTube e de apps são ótimas ferramentas para auxiliar na aprendizagem de um idioma. O YouTube conta com diversos conteúdos em mais de 76 idiomas. É importante pesquisar sobre o dono do canal, para ver se ele possui formação na área. Um ótimo exemplo é o canal “English in Brazil by Carina Fragozo”. Carina é formada em Letras Inglês pela PUCRS e tem doutorado em Linguística pela USP. Em relação aos apps, a sugestão é o Duolingo, uma das plataformas de aprendizado de idiomas mais populares do mundo. Você pode usar o aplicativo para iPhone e Android e jogar ao mesmo tempo que pratica a gramática e vocabulário na língua escolhida.  

DICA BÔNUS PARA APRENDER UM NOVO IDIOMA 

Estudar uma nova língua também é importante para adquirir bagagem cultural. O Centro de Idiomas da PUCRS (Lexis) está com inscrições abertas para cursos intensivos de idiomas. Você pode escolher entre alemão, japonês, coreano, inglês, francês, libras, espanhol, italiano e russo. As inscrições podem ser realizadas até o dia 15 de janeiro, e há turmas nas modalidades presencial e online.  

Quero estudar um novo idioma em 2024

escrita criativa

A PUCRS está com as inscrições abertas para cursos de idiomas intensivos de verão. / Foto: Bruno Todeschini

Aprender um novo idioma é uma tarefa que leva tempo e, sem dúvida, esforço. Não importa como você prefira estudar, seja por contra própria ou com um professor em um curso, é essencial ter foco e disciplina nessa jornada – e se manter motivado durante o processo. Para quem quer tornar esse aprendizado ainda mais rápido e dinâmico, o Centro de Idiomas da PUCRS (Lexis) está com inscrições abertas para os cursos intensivos de alemão, japonês, coreano, inglês, francês, libras, espanhol, italiano e russo, que iniciam no dia 15 de janeiro.   

Separamos 5 dicas para manter a motivação no estudo de um novo idioma e incrementar ainda mais o seu aprendizado. Confira: 

1. Estude pelo menos 15 minutos por dia

Todo novo conhecimento, quando adquirido, precisa ser fixado na memória. E nada melhor para memorizar novos aprendizados do que tirar um tempo do seu dia para revisar o que estudou. Os métodos de estudo variam de pessoa para pessoa: alguns conseguem um estudo efetivo apenas lendo, outros se dão melhor anotando/grifando o conteúdo, outros fazem mapas mentais, etc. Encontre o método que funciona melhor para você. 

2. Trace objetivos e metas

Outra excelente forma de se manter motivado a estudar um novo idioma é ter em mente quais são os seus objetivos nesse processo: pode ser uma viagem, um intercâmbio, uma melhor oportunidade profissional ou simplesmente a vontade de aprender algo novo. Também é importante estabelecer metas de aprendizado e se orgulhar do seu próprio progresso, tendo sempre em mente de que cada pessoa tem seu ritmo e seu tempo.  

3. Forme grupos de conversação

Tão importante quanto estudar e fixar algo na teoria é exercitá-lo na prática. Quando você está aprendendo um novo idioma, está estudando não apenas para conseguir ouvir e ler na língua em questão, mas também se expressar nela – logo, praticar a fala é fundamental. Reúna amigos que estejam estudando o mesmo idioma que você e formem um grupo de conversação – pode ser muito útil tanto para praticarem a fala quanto para vocês tirarem dúvidas e corrigirem os erros uns do outros, criando um processo de aprendizagem colaborativo.

4. Invista em autoconhecimento

Essa dica vale principalmente como um complemento para a primeira: é preciso autoconhecimento para saber qual método de estudos funciona melhor para você. Quanto mais nos conhecemos, melhor identificamos estratégias eficazes para fixar o conhecimento que adquirimos. Procure entender como é o seu jeito de aprender, o que surte efeito no seu processo de aprendizagem e o que não faz sentido.  

Leia também: 5 livros de ficção para ler nestas férias

5. Insira práticas de aprendizagem no dia a dia

Um jeito muito interessante – e eficaz – de estar fixar o aprendizado de um novo idioma é por meio da imersão pelo lazer. Ouça música prestando atenção nas palavras, use aplicativos e assista a vídeos nos idiomas que você está estudando. Ler livros na língua estudada também é uma boa opção para praticar a língua.  

Inscreva-se nos cursos intensivos de idiomas do Lexis  

Que tal começar 2024 complementando seu currículo e fazer uma imersão em uma nova cultura? As inscrições para os cursos intensivos de idiomas do Lexis vão até o dia 15 de janeiro, quando começam as aulas. Inscreva-se antecipadamente e garanta desconto! 

quero estudar um novo idioma em 2024

Ainda dá tempo de se inscrever nos cursos de idiomas do LexisVenha aprender um novo idioma! Os cursos do Centro de Idiomas da PUCRS (Lexis) estão com inscrições abertas até o dia 16 de outubro para turmas com início a partir do dia 17. É a última chance se estudar um novo idioma ainda em 2022! São diferentes níveis nos idiomas Italiano, Alemão, Inglês, Espanhol, Russo, Francês, Japonês e Mandarim.  

Pensando em atender às diferentes necessidades dos/as estudantes, a PUCRS oferece turmas em duas modalidades: presencial e online ao vivo. Ambas contam com professores/as qualificados e possibilitam interação em tempo real, garantido um ensino de excelência. Confira os cursos e inscreva-se 

Os professores e professoras também utilizam materiais sonoros e audiovisuais, possibilitando um aprofundamento da língua nos diferentes níveis. 

Leia também: 5 filmes e séries disponíveis em serviços de streaming para praticar idiomas  

Termine o ano se desenvolvendo

Além de contribuir para você se destacar no mercado de trabalho, estudar idiomas auxilia no desenvolvimento da mente. Um estudo da Universidade Estadual da Pensilvânia, nos EUA, mostra que quem fala mais de uma língua tem mais facilidade em conciliar várias tarefas ao mesmo tempo.  

Saiba mais: 3 dicas da neurociência para aprender um novo idioma

CONFIRA OS CURSOS COM INSCRIÇÕES ABERTAS

Como se motivar a estudar um idioma. Confira 5 dicas

Sentir-se motivado é fundamental para o processo de aprendizagem./Foto: Pexels

Aprender algo novo é quase sempre um desafio. Você certamente terá mais facilidade em algumas áreas e tarefas, e menos em outras. Porém, se você não se sente motivado/a durante o processo, a trajetória deixa de ser prazerosa e a aprendizagem acaba sendo prejudicada. Quando o assunto é estudar uma nova língua, por exemplo, não é diferente. 

Para te ajudar a manter o entusiasmo, convidamos a professora e pesquisadora do curso de Psicologia / Programa de Pós-graduação em Psicologia (Cognição Humana) da Escola de Ciências da Saúde e da Vida e presidente da Sociedade Brasileira de Neuropsicologia (SBNp), Rochele Paz Fonseca, para recomendar cinco dicas de como se motivar para estudar um idioma. Confira! 

1) Dê o primeiro passo 

“A motivação precisa ser retroalimentada todos os dias um pouquinho”, afirma Rochele. Para quem não sabe por onde começar, é importante estabelecer o menor passo possível, para que se tenha a sensação de autoeficácia e o sentimento de que é possível conseguir. Como estudar sobre algum idioma 15 minutos por dia, por exemplo. 

2) Trace objetivos e metas 

Para traçar metas efetivas, Rochele recomenda que seja feita a seguinte pergunta: aonde quero chegar? Depois disso, você imagina que essa posição que você quer alcançar está no topo de uma grande escadaria, com diversos degraus. Se o objetivo é falar um idioma fluentemente, é preciso dividi-lo em diversos pequenos passos ou degraus a serem subidos/alcançados.  

“Aqui a gente precisa usar a função executiva planejamento. Para executar esse planejamento, é preciso usar a habilidade executiva tomada de decisão.  Ambas influenciam diretamente na motivação. Assim, formam-se hábitos em prol do que eu quero para mim”, explica.  

3) Aceite as frustrações 

Manejar as frustrações nem sempre é uma tarefa fácil. Nesses casos, a professora indica algumas práticas que podem minimizar o sentimento de frustração. “Se chegou o prazo de concluir uma meta, a dica é colocar tudo o que é preciso fazer em um papel, como num brainstorm (tempestade de ideias). Assim, fica mais fácil visualizar o que é prioridade e o que pode ser adiado. Caso sobre tempo, a gente revisa e aprimora. Do contrário, aquela foi a melhor versão que você conseguiu entregar no prazo dado e está tudo certo”, pontua Rochele.  

Leia também: Quero aprender um novo idioma, e agora? Veja o que os alunos têm a dizer

4) Invista em autoconhecimento  

A autoestima tem a ver com nossa autopercepção da nossa autoimagem; então, quanto mais nos conhecemos, melhor identificamos quais estratégias são mais eficazes para se manter motivado e aprendendo com eficácia. Para Rochele, quanto mais valorizarmos as pequenas conquistas, mais nosso cérebro receberá a mensagem de que é possível. Por isso é importante definir micrometas para que o cérebro se habitue a entender que aquela rota mental significa sucesso.  

“Para manter a autoestima é muito importante que a gente não maximize o que deu errado e a gente tente ao máximo valorizar o que deu certo. O que deu errado serviu para gente aprender. Então a dica é listar as coisas que deram errado, estratégias para evitar a repetição desses erros, para que na próxima vez a gente chegue a um resultado mais próximo do ideal”.  

5) Insira práticas de aprendizagem no dia a dia 

Práticas de aprendizagem são enraizadas com hábitos de estudos. Por isso, é fundamental inserir no dia a dia hábitos de retomar o que foi estudado em aula, revisar, fazer esquemas e sínteses, até videoaulas para si mesmo, como se fossem o trailer de um filme. A professora comenta que cada pessoa é única e tem seu processo de aprendizado, por isso é importante se observar para entender quais são as estratégias mais rápidas e efetivas.  

“Uma dica de como se motivar para estudar é: faça um pouco todos os dias, começando por cinco minutos, aumentando por dia até chegar ao tempo ideal para si”, finaliza.

CONHEÇA OS CURSOS COM INSCRIÇÕES ABERTAS

A PUCRS está com inscrições abertas para cursos de idiomas com início em março e, desta vez, com a novidade de oferecer turmas em duas modalidades: presencial e online ao vivo, que conta com aulas com interação em tempo real com professores e colegas. São opções em diferentes níveis de Alemão, Espanhol, Francês, Inglês, Italiano, Japonês, Mandarim e Russo. Quem se inscrever até 10 dias antes do início do curso terá um desconto de 10% no valor da matrícula. Confira todas as informações.

Em ambas as modalidades, há turmas em diferentes dias e horários, que se encaixam na realidade dos mais diversos públicos.

Aprenda interagindo com colegas e professores

Os cursos de idiomas da PUCRS, oferecidos por meio do Lexis – Centro de Idiomas da Universidade, têm foco no desenvolvimento da fluência e no uso do idioma em diversas situações contextualizadas. Durante as aulas presenciais e online ao vivo, é criado um ambiente lúdico favorável para que os/as estudantes interajam e pratiquem o que estão aprendendo.

Os professores e professoras também utilizam materiais sonoros e audiovisuais, possibilitando um aprofundamento da língua nos diferentes níveis. Os cursos promovem uma verdadeira imersão na cultura do idioma, abordando temas como viagens, gastronomia, festas, feriados, música, cinema, literatura, jogos, entre outros.

Quero conhecer os cursos com início em março

Leia também: 5 filmes e séries disponíveis em serviços de streaming para praticar idiomas

Cursos de idiomas com desconto na matrícula antecipadaUma das principais formas de se conectar com as pessoas é por meio da comunicação. É por isso que aprender um novo idioma faz toda a diferença, especialmente em um mundo digital e globalizado.   

No Lexis, o Centro de Idiomas da PUCRS, você encontra um portfólio completo de cursos, desde o nível inicial até o foco em conversação. E para garantir a saúde e a segurança dos alunos, durante a pandemia o método de ensino foi adaptado para oferecer conforto, segurança e praticidade.   

As novas turmas remotas dos cursos de idiomas contam com opções de aulas em diferentes níveis de alemão, espanhol, francês, inglês, italiano, mandarim e japonês. As turmas, com começo em outubro, contam com desconto de 50% nas matrículas realizadas até 15 dias antes do primeiro dia de aula. Você pode se inscrever e conferir os cursos com vagas disponíveis pelo site do Centro de Educação Continuada (Educon) 

Entre os diferenciais do Lexis estão os docentes, que são referência na área, com experiência no mercado e vivência em outras culturas. Aprenda com práticas e recursos de imersão em outras línguas.  

Leia também: 5 atividades que irão te ajudar a aprender um novo idioma

QUERO ME INSCREVER COM DESCONTO EXCLUSIVO

Aprenda um novo idioma com os cursos intensivos online da PUCRSE se você pudesse aprender um novo idioma em apenas dez dias? Com os cursos intensivos do Centro de Idiomas da PUCRS (Lexis) você pode. As novas turmas dos cursos intensivos oferecem opções para você estudar alemão, espanhol, francês, inglês, italiano, japonês, mandarim e russo. E tudo isso na modalidade remota, com a presença simultânea do professor por meio da plataforma Zoom.

Os encontros têm duração de três horas e acontecem de segunda a sexta-feira. Além disso, são disponibilizadas mais duas horas de atividades assíncronas, postadas na plataforma Moodle. Esse formato foi pensado para que você aprenda de maneira rápida, prática e totalmente online – com a mesma qualidade das aulas sequenciais.

Se você quer aprofundar seus conhecimentos ou iniciar o aprendizado em um novo idioma, inscreva-se pelo site do Educon até o dia 19/7!

Leia também: 5 atividades que irão te ajudar a aprender um novo idioma

O QUE VOCÊ VAI APRENDER NOS CURSOS INTENSIVOS

Os cursos focam no desenvolvimento da fluência nos idiomas e no uso correto dos tempos verbais, além de criarem um ambiente lúdico favorável que estimula os alunos e alunas à prática oral por meio da interação.

As turmas também irão se aprofundar nas estruturas da língua em diferentes níveis, com o uso constante de materiais sonoros e audiovisuais. Os/as estudantes participarão de uma imersão na cultura do idioma, através de temas como viagens, gastronomia, festas, feriados, cinema, literatura, entre outros.

QUERO ME INSCREVER NOS CURSOS INTENSIVOS

Aprenda um novo idioma com as aulas de conversação do Lexis - Novas turmas de inglês, francês e italiano contam com docentes que são referência no mercado

Saber mais de um idioma segue sendo um dos grandes diferenciais no currículo, além de ser uma grande vantagem na hora de viajar ou mesmo para se comunicar com pessoas de outros países. Pensando nisso, o Centro de Idiomas da PUCRS (Lexis) preparou novas turmas de conversação em inglês, francês e italiano com início ainda no mês de julho.

Segundo algumas pesquisas, como a do site de empregos Catho, pessoas que falam um segundo idioma chegam a ganhar até 70% a mais no mercado de trabalho. Outras vantagens são habilidades sociais e comportamentais adquiridas; a diversificação do repertório cultural; o ganho de autoconfiança e autonomia; assim como estimular a criatividade.

Confira o prazo para se inscrever

Os três cursos focam no desenvolvimento da fluência nos idiomas, no uso correto dos tempos verbais, além de criarem um ambiente lúdico favorável que estimula aos alunos e alunas à prática oral, através da interação entre colegas e professores/as. Inscreva-se:

Além dessas práticas, as turmas irão se aprofundar nas estruturas da língua em diferentes níveis, com o uso constante de materiais sonoros e audiovisuais. Os/as estudantes participarão de uma imersão na cultura do idioma, através de temas como viagens, gastronomia, festas, feriados, cinema, literatura, entre outros.

Valores diferenciados

Os cursos têm valores especiais para alunos e Alumni PUCRS, pessoas acima de 60 anos, técnicos administrativos e professores.

Cursos de Verão PUCRSQuem quer aprender um novo idioma de forma mais rápida, ou aprofundar seus conhecimentos em outra língua, já pode se inscrever nos Cursos de Verão da PUCRS. No site da Educon você pode conferir as oito opções de cursos intensivos em diferentes níveis: francês, mandarim, japonês, espanhol, italiano, alemão, inglês e russo. Para quem quer conhecer mais sobre alemão, por exemplo, pode aproveitar para participar da primeira edição do curso de Alemão Filosófico, que tem uma abordagem diferente para esse público.

Os Cursos de Verão são uma oportunidade para aproveitar as férias e ampliar o conhecimento em curta duração. As aulas de idiomas, por exemplo, são intensivas e você conclui cada nível em duas semanas. Com possibilidades em diversos segmentos, é possível estudar sobre aquele tema que, sendo da sua área ou não, você sempre quis conhecer.

Outras opções são os cursos das áreas de tecnologia, inovação e tendências de mercado, como Startups na Era Digital, Realidade Virtual e Aumentada: a Transformação da Experiência e Introdução ao Desenvolvimento para Android com Kotlin. Nas aulas, você aprenderá os conceitos e práticas da utilização dessas ferramentas e será capacitado para realizar a melhor aplicação possível.

Mais informações pelo e-mail [email protected], ou pelo telefone (51) 3320-3727.

Descontos e benefícios

Todos os cursos de verão são pagos e oferecem descontos para o público interno e outros, como: professores; técnicos-administrativos e dependentes; PUCRS Alumni; pais de alunos das Escolas da Rede Marista; funcionários das empresas do Tecnopuc e empresas parceiras; maiores de 60 anos e grupos de cinco ou mais pessoas da mesma empresa.